21 de out de 2013

Motorista de acidente com 8 mortos no RN estava com habilitação vencida

Francisco do Nascimento já havia sido autuado por embriaguez ao volante
O motorista do Kadett envolvido em um acidente com oito mortes nesta segunda-feira (21) no município de Ceará-Mirim, na Grande Natal, não tinha carteira de habilitação. Ele também morreu depois que o veículo foi atingido por uma Hilux na BR-406.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Francisco Cosme do Nascimento, de 41 anos, já havia sido autuado por embriaguez ao volante no dia 5 de fevereiro deste ano. A abordagem aconteceu há seis quilômetros do local da colisão, também na BR-406. Na época, o motorista já estava com a carteira de habilitação vencida desde outubro do ano passado.
 A PRF também confirma que o Kadett fazia serviço de lotação e levava nove pessoas a bordo. Oito delas morreram depois que o veículo foi atingido pela Hilux. As vítimas foram quatro homens e quatro mulheres, entre elas uma bebê de 4 meses e uma adolescente de 14 anos que estava grávida. Os únicos sobreviventes são o motorista da Hilux e uma criança de 4 anos que está internada no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal.
Dirigir com habilitação vencida há mais de 30 dias é uma infração considerada gravíssima. A punição prevista é de R$ 192 de multa e apreensão do veículo.
Fonte: Blog Seridó 190

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada por comentar e visitar nosso blog.

 

Atualmente

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

.