6 de out de 2013

TSE estima que 22 milhões de eleitores serão identificados pela biometria

Faltando um ano para o primeiro turno das eleições do ano que vem, dia 5 de outubro de 2014, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) estima que 22 milhões de eleitores serão identificados nas urnas por meio da biometria. 
No ano que vem, o recadastramento biométrico estará concluído em quatro estados e 844 municípios de outras unidades da Federação. 
Para votar, os eleitores que estão nas cidades que participam do recadastramento devem comparecer aos pontos de coleta de digitais no prazo definido. Quem não fizer o recadastramento, terá o título de eleitor cancelado.
Em 2013, a Justiça Eleitoral está na terceira fase de recadastramento dos eleitores. A meta é o recadastramento de 13 milhões de eleitores em 491 municípios. 
A biometria foi introduzida pela Justiça Eleitoral após mais de 20 anos de processo manual de votação, com urnas de lona e cédulas de votação de papel. Segundo o secretário de Tecnologia da Informação do TSE, Giuseppe Janino, o principal objetivo é evitar lentidão nos locais de votação e fraudes na apuração dos votos.

“Por meio da tecnologia, nós quebramos esse paradigma e transformamos o processo eleitoral, mitigando a intervenção humana do processo. 
À medida que diminuímos a intervenção humana no processo, nós conseguimos, por meio da tecnologia, celeridade, exatidão e, principalmente, a possibilidade de se introduzir mecanismos de segurança e transparência”, disse Janino à Agência Brasil.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada por comentar e visitar nosso blog.

 

Atualmente

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo

.